O que é o que é, pode ser inserido em qualquer ambiente da casa; tem aplicação prática e fácil, pode ser liso, listrado, texturizado, floral e até com arabescos?! Se você falou Papéis de Parede, acertou! Hoje o tema é sobre eles e eu particularmente a-d-o-r-o! Tenho na minha casa, com certeza terei na próxima e considero um dos tipos de complementos mais versáteis que existem. Eles podem transformar o ambiente, aquecer e ainda garantir muito charme ao decor! São fáceis de aplicar, limpar e possuem o excelente benefício de que se enjoou, troca!
Atualmente há uma infinidade de opções, preços, materiais e composições quando o assunto é papel de parede. Seus tipos mais comuns são: Vinilizado (ideal para lavabos), Acetinados (acumulam menos poeira, sendo ideal para quarto de crianças ou pessoas alérgicas), TNT (aqueles que imitam tecidos) e Mica (feitos de pedras naturais). Para o sucesso da aplicação, a dica aqui é prestar atenção no estado da parede quando o papel for colocado, sendo que, independentemente do tipo escolhido, essa parede deverá estar bem lisa e totalmente livre de imperfeições, rachaduras ou furos.
Sua manutenção também é fácil. Nos vinílicos, basta um pano úmido. Nos mais delicados e que imitam textura, um pano seco ou até aspirador de pó retira a sujeira com facilidade. Se bem mantidos, eles podem durar até dez anos, segundo os fabricantes de algumas marcas.
No decor, por se encaixarem perfeitamente em qualquer lugar, como lavabos e até cozinhas, a dica é harmonizar o lugar, cor e forma. Parece difícil, mas não é! Se você optar por um papel de parede na cozinha, por exemplo, a ideia é colocar entre o armário superior e a bancada inferior. Com uma cozinha baseada em tons neutros, o papel também poderá seguir essa linha e ser mais discreto ou dar um toque de cor com elementos que se relacionem à própria cozinha, como pimentas vermelhas, legumes, panelas, etc. Vai da criatividade e intenção de cada um!
Post Papeis de Parede Bjinhos e ótimo final de semana! 😉